Ansiedade 2017-05-30T16:25:47+00:00

ANSIEDADE

A ansiedade e o stress são dois conceitos que por vezes se confundem, e frequentemente se consideram sinónimos, por se encontrarem tão bem correlacionados e/ou associados, embora estes dois factores influenciem de forma significativa o quotidiano do indivíduo, não são idênticos. Parte-se do pressuposto que o stress pode ser o factor desencadeante da ansiedade e não vice-versa.

O perfeccionismo, o medo de críticas e de errar, a tentativa constante de não magoar o outro, exigências consigo mesmo, auto-críticas, preocupações excessivas entre outros factores emocionais, podem ser motivos para que o individuo desenvolva um transtorno de ansiedade.

A Ansiedade está presente na vida humana desde o inicio da sua existência sendo que hoje em dia, o que coloca o indivíduo ansioso são perigos abstractos, oriundos do mundo emocional da ansiedade, como a sensação de fracasso, insucesso, decepção amorosa, insegurança.

Estudos apontam que durante o processo de tratamento em Reprodução Assistida, através da utilização de protocolos de diagnóstico extensos e tratamentos de longa duração podem precipitar o aparecimento de sintomas psicológicos em 25% a 60% dos casais que sofrem de Infertilidade.

A ansiedade costuma surgir em decorrência da natureza stressante dos tratamentos e do medo associado de não conceber uma gravidez, encontrando-se a depressão mais frequentemente associada ao resultado negativo do tratamento.

Os sintomas psicológicos advindos da Infertilidade são complexos e influenciados por diversos factores, como causas de ordem orgânica ou psicológica, duração da infertilidade, capacidade de adaptação ao problema, motivação para ter filhos, qualidade de vida, personalidade, etc.

Relacionando-se o Estado de Ansiedade e a presença de stress, existe uma tendência para a elevação do estado-ansiedade consoante a intensidade do stress.

A ansiedade faz com que o indivíduo não viva tanto o presente e antecipe as situações relativamente ao futuro, muitas vezes atribuindo consequências e expectativas negativas a esse mesmo futuro.