Semana do Amor – PORQUE DAMOS BEIJOS ?

Home/Uncategorized/Semana do Amor – PORQUE DAMOS BEIJOS ?

Semana do Amor – PORQUE DAMOS BEIJOS ?

– O Beijo Português –

Há 70 anos entrou numa das fotografias do século – “O Beijo” (1945) como ficou conhecida, captada por Alfred Eisenstaedt.

Os pais e avós do marinheiro galante eram portugueses, de apelido Mendonça.

 

Sabia que …

 

Quando damos um beijo partilhamos cerca de 80 milhões de bactérias por 10 segundos de beijo apaixonado?

Parece que beijar não é uma prática muito saudável perante o que se descobriu, ainda que de acordo com alguns estudos, somos mais propensos a ficar doentes através de um aperto de mão, do que através de um beijo.

Beijar é extremamente importante no desenvolvimento de relacionamentos significativos e até tomamos decisões importantes baseadas em como nos sentimos durante o primeiro beijo, como escolher um parceiro, etc.

 

Descobrimos também que

 

OS BEIJOS INICIAM UM EFEITO EM CADEIA DE IMPULSOS NEURONAIS

 

No entanto não beijamos apenas os nossos parceiros íntimos.

Se fizermos uma breve retrospectiva da nossa vida, descobrimos que de facto as nossas primeiras experiências de segurança e amor foram geralmente relacionadas aos movimentos de pressão e estimulação de lábios através de movimentos que imitam um beijo.

Os beijos activam um vasto número de sensações que nos trazem bem estar,conforto, segurança e prazer.

De acordo com alguns estudos, os movimentos que fazemos com nossas bocas/lábios enquanto beijamos estabelecem em  nosso cérebro importantes impulsos nervosos que associam beijos com emoções positivas e essas relações continuam a fortalecer ao longo de nossas vidas.

Especificamente, os beijos iniciam um efeito de cadeia de impulsos neuronais operacionalizando o nosso cérebro, língua, lábios, músculos faciais e pele.

Inúmeras pequenas conexões nervosas distribuem essa informação em todo o nosso corpo, produzindo sinais químicos que mudam a forma como pensamos e sentimos.

 

OS BEIJOS ESTÃO INTRINSECAMENTE LIGADOS

AOS MOMENTOS MAIS IMPORTANTES E SIGNIFICATIVOS DA NOSSA VIDA

 

Um beijo apaixonado pode aumentar drasticamente a produção de:

Dopamina (neurotransmissor associado ao desejo);

Oxitocina (“hormônio do amor” que promove a sensação de proximidade e apego);

Adrenalina (hormônio que aumenta nossa frequência cardíaca e nos faz sentir quente), com a dilatação dos vasos sanguíneos, o aumento da excitabilidade e cardíaco, manisfestando uma respiração mais profunda e o corar das nossas bochechas;

 

Podemos Observar 

Os beijos produzem essas sensações que muitas vezes descrevemos quando estamos apaixonados.

Desta forma, um beijo pode iniciar um relacionamento romântico, mas também pode solidificar os laços afectivos que partilhamos com nossos amigos e familiares.

 

O beijo não tem que necessariamente ser dirigido aos lábios, pode ser de diferentes maneiras: nas mãos, na bochecha, na testa, etc.

Contudo, os beijos estão intrinsecamente ligados aos momentos mais importantes e significativos da nossa vida.

 

Por isso

Já sabe, não hesite, beije todas as pessoas que são significativas para si. Além de ser bom para ambas as partes, agora também tem dados científicos e mais concretos para ser ainda mais beijoqueiro, justificando que está apenas a fortalecer o seu relacionamento com o seu parceiro, com os seus amigos e sua família.

Até porque um Beijo não necessita de grandes justificações e vale mais do que mil palavras!

2018-02-12T18:43:47+00:00